Notícias

Defensora Pública Geral em exercício participa de inauguração da Cadeia Pública de Altos

Tamanho da letra A+ A-
Publicado em 23, setembro de 2019 às 17:32
Solenidade de inauguração da nova Cadeia de Altos

Solenidade de inauguração da nova Cadeia de Altos (Thanandro Fabrício/Sejus)

A Defensora Pública Geral em exercício, Dra. Carla Yáscar Bento Feitosa Belchior participou nesta segunda-feira (23) da inauguração da Cadeia Pública Antônio José de Sousa Filho, em Altos. A solenidade foi presidida pelo Governador Wellington Dias e contou com a presença da Vice-Governadora, Regina Sousa; do Secretário de Justiça, Carlos Edilson Rodrigues Barbosa de Sousa, do diretor da Cadeia Pública, Antônio Vinicius da Silva e de várias autoridades, entre as quais a Coordenadora do Sistema Prisional da DPE-PI, Dra. Viviane Pinheiro Pires Setúbal.

Dra. Viviane Setúbal e Dra. Carla Yáscar Belchior

Dra. Viviane Setúbal e Dra. Carla Yáscar Belchior

Equipada de forma adequada, obedecendo rígidos princípios de segurança, a Cadeia Pública de Altos possui 603 vagas e conta com 6 salas de aula, além de salas de informática e leitura, biblioteca, área de serviço e assistência social, área para atendimento de saúde, como odontologia, psicologia e enfermagem; parlatório, sala de visitas, sala para tratamento de dependentes químicos. Também possui espaço para instalação do setor jurídico e do setor de tratamento penal, entre outros. A construção foi possível com recursos provenientes do Governo do Estado e Ministério da Justiça na ordem de R$ 21,4 milhões.

O diretor da Cadeia Pública de Altos afirma que o local é inovador. “É o futuro do Sistema Prisional. Teremos aula, trabalho, assistência à saúde e jurídica. Aqui se busca não só ressocialização, mas também fazer com que o agente trabalhe motivado”, disse Antônio Vinicius da Silva.

O secretário Carlos Edilson Sousa afirmou que a nova Unidade vai possibilitar reduzir o déficit de vagas. “Também fará com que políticas públicas possam ser aplicadas, para que os presos tenham uma oportunidade de estudo e, importante ressaltar que, em cada pavilhão, nós teremos duas salas de aula, onde continuaremos fomentando o estudo no Sistema Penitenciário do Piauí” , ressaltou.

Inauguração ocorreu nesta segunda-feira

Inauguração ocorreu nesta segunda-feira

Em sua fala, o Governador Wellington Dias afirmou que o principal objetivo da nova Cadeia é a ressocialização. “Os internos mais perigosos, que vivem do crime, serão separados dos de médio e baixo risco. A finalidade é que os internos saiam estudados e aptos a conseguir um emprego ou mesmo a empreender, o que significa a redução da criminalidade no Estado”, disse.

Dra, Viviane Setúbal diz que “neste momento comemoramos a inauguração de um novo estabelecimento, a Cadeia Pública de Altos. Este novo local a abrigar pessoas privadas de liberdade e que aguardam julgamento pelo Poder Judiciário não resolverá por definitivo o grave problema do Sistema Prisional do Estado do Piauí, mas amenizará a situação pois reserva 603 vagas. É um estabelecimento que contempla educação e permitirá que os internos tenham direitos, não atingidos pela privação da liberdade, resguardados, trabalhando-se a ressocialização. A Defensoria Pública do Estado continua a desempenhar fielmente sua atividade de garantidora dos direitos dos mais vulneráveis privados de liberdade”.

Gestoras presentes à inauguração

Gestoras presentes à inauguração

Sobre a nova Unidade Prisional, Dra. Carla Yáscar Belchior diz que “o novo estabelecimento, que acrescenta 603 vagas ao Sistema Prisional piauiense, não resolverá o problema da falta de vagas, mas certamente amenizará a superlotação, além de contar com tecnologias e melhores condições de permanência para os internos e para os agentes. A Defensoria Pública continuará atenta e trabalhando para que os direitos dos reeducandos sejam respeitados.”