Notícias

Defensoria e OAB/PI estudam firmar parceria para ofertar cursos de capacitação

Tamanho da letra A+ A-
Publicado em 05, maio de 2022 às 18:40

Defensoria e OAB

O Defensor Público Geral do Estado do Piauí, Erisvaldo Marques dos Reis, esteve reunido nesta quinta-feira (05) com o Diretor-Geral da Escola Superior da Advocacia do Piauí, Thiago Anastácio Carcará,; a Diretora e a coordenadora da Escola Superior da Defensoria Pública, respectivamente Defensoras Públicas Andrea Melo de Carvalho e Rosa Mendes Viana Formiga, oportunidade em que trataram sobre a possibilidade de um Termo de Cooperação entre a Defensoria e a OAB/PI no sentido de proporcionar capacitação para os integrantes da Defensoria. Também estiveram presentes ao encontro a Subdefensora Pública Geral, Carla Yáscar Bento Feitosa Belchior e a coordenadora da Pós Graduação de Família e Sucessões da Escola Superior da Advocacia, Isabella Paranaguá.

“Estamos acompanhando o trabalho da atual gestão da OAB, que tem investido muito na Escola Superior de Advocacia, no sentido de trazer cursos de pós-graduação, cursos de aperfeiçoamento e capacitação para a sociedade piauiense. Vislumbrando uma melhor capacitação dos Defensores, assessores e estagiários, a Esdepi convidou a pessoa responsável, doutor Thiago Carcará e doutora Isabela, que é coordenadora da Pós Graduação de Família e Sucessões, para uma possível parceria com a OAB, por meio da Escola Superior de Advocacia, para que os Defensores, estagiários e assessores, possam ter acesso aos cursos, com descontos,de formas mais atrativas. Estamos empolgadas no sentido de firmar essa parceria. Esperamos que tenham uma ótima adesão”, explica a coordenadora da Esdepi, Rosa Viana.

O diretor-geral da Escola Superior da Advocacia, Thiago Carcará, também destaca a relevância da parceria com a Defensoria. “Hoje nós tivemos esse primeiro contato com a excelente recepção do nosso Defensor-Geral, Erisvaldo Marques, e com a diretora da Escola Superior da Defensoria, Andrea Melo, onde alinhamos todos os detalhes dessa cooperação que vamos trazer, visando o fomento para qualificação não só dos Defensores, dos servidores, mas também uma troca de importantíssima para a advocacia e para o Sistema Judiciário. A partir do momento em que temos a união de duas grandes Instituições vemos um acontecimento não só para ambas as classes, mas também para a sociedade, que poderá contar com profissionais mais qualificados para desenvolver uma prestação jurisdicional mais efetiva. Essa parceria vai visar pós-graduações, MBAs e cursos executivos das mais diversas formas, com intuito justamente não só de qualificar, mas de ter um network entre essas profissões para que tanto o advogado possa compreender melhor profissão do Defensor e o Defensor também compreender bem a atuação do advogado”, disse.

O Defensor Público Geral, Erisvaldo Marques destaca o ganho que as capacitações sempre trazem para a Defensoria. “É com satisfação que recebemos essa proposta para firmar um Termo de Cooperação com a Escola Superior da Advocacia, visando proporcionar a possibilidade de aprimoramento profissional para todos que integram os quadros da Defensoria Pública. Vamos analisar a proposta e acertar todos os detalhes necessários por meio da nossa Escola Superior, que teve a iniciativa de buscar essa parceria.”, afirma.