Notícias

Defensoria realizou mais uma Oficina de Pais e Filhos com saldo positivo

Tamanho da letra A+ A-
Publicado em 28, setembro de 2019 às 11:56
Oficina foi bem avaliada pelos participantes

Oficina foi bem avaliada pelos participantes

Foi encerrada nesta sexta-feira (27), a edição de setembro da Oficina de Pais e Filhos  realizada pela Defensoria Pública por meio do Núcleo de Solução Consensual de Conflitos e Cidadania (NUSCC). O projeto é uma idealização do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Oficina de Pais e Filhos de setembro

Oficina de Pais e Filhos de setembro

A Oficina iniciou na quinta-feira (26), no Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania (CEJUSC), com a participação de dez assistidos. Nesta sexta, mais cinco assistidos compareceram ao Cejusc. Os trabalhos foram conduzidos pela servidora Letícia Castro Magalhães e pelo estagiário Armando da Silva Moura Filho, contando ainda com o apoio da estagiária Ellen Leal de Sousa. A equipe do NUSCC, devidamente capacitada para a realização da Oficina,  é coordenada pelo Defensor Público Dr. Gerson Henrique Silva Sousa. O Núcleo conta ainda com  e a Defensora Auxiliar,  Dra. Alynne Patrício de Almeida Santos.

Letícia Castro Magalhães diz que a Oficina de setembro foi além da expectativa. “Foi superprodutiva. Os assistidos, encaminhados por defensores ou pelo Núcleo de Defesa da Mulher, participaram até o final. No término, pedimos para que resumissem em uma palavra o que foi a experiência  e muitos deles mencionaram  Mudança, Esperança, Transformação e Aprendizado. Os assistidos se envolveram bastante,  contaram suas histórias, perceberam algumas condutas praticadas e disseram que irão ficar mais atentos. Foi realmente muito produtiva”.

Armando da Silva Moura Filho ratifica as informações, destacando ter sido uma experiência enriquecedora também para ele. “A Oficina desse mês foi ótima! Já havia participado em outros meses como colaborador e ouvinte, mas essa foi minha primeira vez apresentando. Tiveram vários relatos emocionantes em ambos os dias, e felizmente nos dois pude perceber que as pessoas estavam participando e absorvendo o que era passado. Fizeram vários comentários, questionamentos e, inclusive, ao final tivemos sugestões de temas que poderiam ser adicionados, bem como pessoas que pediram para participar novamente! Gostei bastante da experiência, e espero que tenha sido tão enriquecedora para os ouvintes como foi para mim”.

Dr. Gerson Henrique Sousa fez uma avaliação geral da ação. “Nestas quinta e sexta-feira foi realizada mais uma edição da Oficina de Pais e Filhos. Contamos com a presença de pais e mães muito participativos, que puderam aprender sobre direitos e deveres em relação aos filhos, bem como receberam orientações a fim de evitar colocar os filhos dentro do conflito conjugal. A Oficina foi ministrada pela colaboradora Letícia e pelo estagiário Armando, que já puderam colocar em prática o aprendizado adquirido na última capacitação organizada pela Esdepi”, afirma o Coordenador do NUSCC.