Notícias

DPE-PI continua arrecadando material para reeducandas da Penitenciária Feminina confeccionarem máscaras

Tamanho da letra A+ A-
Publicado em 24, junho de 2020 às 15:40

masc3

A Defensoria Pública do Estado do Piauí, por meio da Coordenação do Sistema Prisional, continua arrecadando material para que as reeducandas da Penitenciária Feminina de Teresina possam confeccionar máscaras que serão destinadas às Unidades Prisionais do Piauí.

Estão sendo arrecadados tesoura pequena para remate, fio para máquina industrial, elástico fino e linha normal para máquina industrial. Também podem ser doados tecidos para a confecção. Quem quiser doar deve entrar em contato com a Defensoria Pública por meio do telefone (86) 9 9432-2669.

A iniciativa tem por objetivo além da própria confecção das máscaras que são de extrema importância para a prevenção do contágio pelo Novo Coronavírus, possibilitar que as reeducandas continuem a exercer uma atividade laboral, participando efetivamente do enfrentamento à Covid-19, que continua a ameaçar a população mundial.

A Gerente da Penitenciária Feminina de Teresina, Cristiane de Praga, reforça o pedido de doações. Ela explica que sem o material, especialmente o destinado à finalização das máscaras, a produção fica comprometida. “Estamos precisando muito especialmente de tesouras , que podem ser aquelas comuns ou utilizadas em escolas, o importante é que possamos dar seguimento à produção que faz com que as nossas reeducandas se sintam produtivas, contribuindo efetivamente para o enfrentamento desse vírus tão perigoso que coloca em risco toda a humanidade”, afirma Cristiane de Praga, lembrando que algumas lojas de Teresina, mesmo sem estarem de portas abertas devido aos decretos municipais e governamentais, aceitam pedidos por encomenda, separando previamente o material.

A Coordenadora do Sistema Prisional da Defensoria, Defensora Pública Viviane Pinheiro Pires Setúbal, destaca a importância da campanha e reforça o pedido de doação do material. “Nosso objetivo é, além de permitir que a Internas da Penitenciária Feminina continuem no trabalho, ocupando mente e corpo com atividades que as façam desenvolver novas habilidades, também possibilitar melhorias nas condições de prevenção contra a Covid-19 no Sistema Carcerário  do Estado pois as máscaras produzidas são destinadas aos Internos e Servidores . Considerando o nosso momento atual onde já existem casos de Covid-19 em Unidades Prisionais do Estado do Piauí, necessitamos contribuir para diminuir sensivelmente os efeitos que essa doença pode causar para a população carcerária, que sofre com toda uma situação de não cumprimento da Lei de Execução Penal no que diz respeito a condições mínimas de cumprimento de pena”.