Notícias

Nova edição do projeto Defensoria Pop Rua será realizada no próximo dia 10 no Complexo Cultural Club dos Diários

Tamanho da letra A+ A-
Publicado em 04, maio de 2022 às 09:12

Nova edição do projeto Defensoria Pop Rua será realizada no próximo dia 10 no Complexo Cultural Club dos Diários

A Defensoria Pública do Estado do Piauí vai realizar no próximo dia 10 mais uma edição do projeto “Defensoria Pop Rua – visibilidade e reconhecimento à população em situação de rua”. A ação acontecerá no Complexo Cultural Club dos Diários, localizado na Rua Álvaro Mendes, no Centro de Teresina. O projeto foi concebido e é coordenado pela Defensora Pública Patrícia Ferreira Monte Feitosa, Diretora de Primeiro Atendimento da Defensoria.

Levando atendimento à população em situação de rua de Teresina, o Projeto Defensoria Pop Rua possibilita o exercício da cidadania à essa parcela da população, facilitando o acesso a políticas públicas e à identificação civil, a partir da emissão de documentos. Na ação também é direcionado o fluxo de demandas que necessitam da atuação de parceiros, como a assistência social do município, sendo estabelecidos canais para os encaminhamentos necessários ao atendimento para esse público.

O Projeto se desenvolve em quatro eixos. O primeiro voltado para dar visibilidade à questão social que se agrava especialmente nesse período, no qual ainda persiste a pandemia da Covid-19, despertando a sensibilização junto à sociedade em relação às políticas públicas; o segundo busca levar orientação jurídica e judicial a esse público específico e o terceiro visa possibilitar  a troca de experiências e capacitações entre os parceiros envolvidos.

Sobre a ação do dia 10, a Defensora Patrícia Monte diz que “dando continuidade ao Projeto Pop Rua, e, aproveitando a data comemorativa do mês da Defensoria Pública, vamos realizar a ação para atendimentos às pessoas em situação de rua, na galeria do Clube dos Diários, dia 10desse mês de maio, para dar visibilidade à importância da Defensoria Pública na garantia dos  direitos das pessoas vulneráveis. Na oportunidade, faremos orientação jurídica para qualquer tipo de direito a ser tutelado, principalmente, a atualização da documentação civil. O Instituto de Identificação já se prontificou a cooperar, mostrando sempre sensibilidade pelas causas sociais. Convido a Secretarias do Estado e do Município a participarem ativamente, oferecendo seus serviços dentro de sua competência, e a sociedade civil que costuma dar apoio ao pop rua que nos ajude na divulgação junto ao público alvo”, afirma.