Notícias

Palestras sobre os Núcleos da Saúde e da Mulher dão seguimento a evento na Defensoria Pública

Tamanho da letra A+ A-
Publicado em 27, março de 2018 às 16:22
Palestra do Dr. Rogério Newton

Palestra do Dr. Rogério Newton

A Defensoria Pública do Estado do Piauí deu prosseguimento nesta terça-feira (27), às ações voltadas para a Saúde da Mulher que estão sendo realizadas na Casa de Núcleos da Instituição. Durante toda a manhã foram proferidas palestras abordando questões voltadas para a saúde feminina e realizadas mamografias em uma parceria com o Serviço Social do Comércio, por meio de sua Unidade Móvel de atendimento.

As palestras foram abertas pelo Defensor Público Dr. Rogério Newton de Carvalho Sousa, do Núcleo da Saúde da DPE-PI, que abordou a atuação do Núcleo em Tutela do Direito da Saúde da Mulher. “Essa será mais uma conversa sobre os serviços que o Núcleo da Saúde oferece, especialmente para as mulheres. É incrível porque o maior número de assistidos que temos no Núcleo é formada por mulheres. Juntas eles representaram 64% dos atendimentos feitos em 2017, segundo levantamento que realizamos. Tanto no tocante a elas mesmas como quando se trata de atendimento aos filhos, são as mulheres que estão à frente.  Então aqui ficamos felizes, porque encontros como esse proporcionam uma aproximação maior com esse público e a nossa expectativa é a melhor possível. Essa aproximação foge da rotina do trabalho e possibilita a troca de ideias. É um contato realmente inspirador”, afirmou  Dr. Rogério Newton.

Em seguida,  a Coordenadora do Núcleo da Mulher da DPE-PI, Defensora Pública Dra. Lia Medeiros do Carmo Ivo, juntamente com a Coordenadora  da Casa Abrigo Mulher Viva , instituição ligada à Secretaria de Estado da Assistência Social e Cidadania, Ana Cleide Ferreira do Nascimento e com a Coordenadora do Centro de Referência Esperança Garcia, Unidade atendimento da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres,  Roberta Mara Silva, conduziram palestra sobre a Rede de Assistência Estadual de Apoio à Mulher em Situação de Violência e sobre a atuação do Núcleo da Mulher da Defensoria Pública.

As duas palestrantes que compuseram a mesa juntamente com Dra. Lia Medeiros, também destacaram a relevância da ação. “Todas as atividades nas quais as mulheres são priorizadas, seja na questão da Justiça ou da Saúde são importantes. Para que essas mulheres saibam dos seus direitos e possam se reconhecerem enquanto cidadãs e detentoras desses direitos”, afirmou Ana Cleide Nascimento. Roberta Mara Araújo destacou a importância da informação também quanto à segurança da mulher. “Vamos reforçar o que vem a ser a Rede de Atendimento, porque cada instituição tem sua responsabilidade e fazer especifico, e nós, enquanto Centro de Referência, fazemos esse atendimento à mulher em situação de violência, na medida em que proporcionamos o empoderamento,  para que ela se fortaleça e consiga de fato romper com um ciclo de violência, não só através da Justiça”, afirmou.

Às 10h o casal Val e Drica, que desenvolvem trabalho  como coaching de relacionamento falaram sobre a importância da autoestima e autopreservação feminina para as assistidas pela Instituição. A ação voltada para a Saúde da Mulher será encerrada na quarta-feira, dia 28, quando será concluída a realização das mamografias, beneficiando as assistidas que se cadastraram para ter acesso ao exame.