Sem categoria

Projeto Defensoras Populares tem se consolidado como ação afirmativa relevante em benefício das mulheres e de sua atuação na sociedade

Tamanho da letra A+ A-
Publicado em 18, novembro de 2021 às 12:39

Defensoras Populares IX

Prossegue no próximo sábado (20) o Curso Defensoras Populares, que destina-se à formação de lideranças comunitárias femininas em direitos, para que possam se tornar agentes multiplicadoras junto às suas comunidades. O Curso é um produto do Projeto Defensoras Populares, desenvolvido no Piauí por iniciativa e coordenação da Subdefensora Pública Geral, Carla Yáscar Bento Feitosa Belchior.

Abordando sempre temas relacionados à garantia de direitos e ao Sistema de Justiça, o Curso está em sua terceira turma e inova ao ser ministrado exclusivamente por mulheres, Defensoras Públicas que têm contribuído significativamente para o sucesso da iniciativa, abordando a cada módulo temas variados e fundamentais para a formação das novas Defensoras Populares.

O IX Módulo, que acontecerá no próximo sábado, terá como facilitadoras as Defensoras Públicas Irani Albuquerque Brito e Viviane Pinheiro Pires Setúbal, respectivamente Diretora Criminal e Coordenadora do Sistema Prisional da Defensoria. O tema a ser abordado será  “Garantias Penais Básicas e de Cidadãos e Cidadãs”.  Como nos demais, o Módulo iniciará às 15h, pela Plataforma Zoom.

No sábado anterior, dia 13, a Defensora Pública Coordenadora do Núcleo de Defesa do Consumidor da DPE-PI, Ângela Martins Soares Barros, foi a facilitadora e abordou o tema Direito do Consumidor e Noções de Educação Financeira. Sobre a participação no Curso a Defensora diz que “é sempre uma experiência enriquecedora participar do Projeto Defensoras Populares. Nós procuramos abordar os principais assuntos relacionados ao direito do consumidor e também falamos sobre educação financeira, uma vez que boa parte das demandas de consumo são decorrentes da falta de conhecimento da população sobre assuntos financeiros. O tema foi bem recepcionado pelas integrantes do curso, que participaram ativamente e tiraram suas dúvidas sobre a matéria. Esperamos assim ter contribuído para disseminar a importância de um consumo consciente.”

Para a Subdefensora-Geral, Carla Yáscar Belchior, os resultados alcançados têm confirmado que o Projeto Defensoras Populares representa uma importante política afirmativa, contribuindo para o fortalecimento das mulheres em suas vidas pessoais e mobilizações por direitos. “A cada ano estamos conseguindo maior número de inscritas, tanto de Teresina como de outras cidades do Piauí e até mesmo de outros estados, o que demonstra que o Projeto Defensoras Populares e consequentemente o Curso, vêm tendo boa aceitação e se firmando como importantes ferramentas de fortalecimento das mulheres em suas vidas pessoais e como lideranças comunitárias. Certamente quem procura se inscrever já tem ciência da formação das demais mulheres que participaram e que hoje, dentro de suas comunidades, representam um diferencial, ajudando eficazmente na garantia de direitos. Somos também extremamente gratas a todas as Defensoras Públicas que compõem ativamente o projeto, como facilitadoras, repassando o conhecimento necessário para a formação e esperamos que a cada ano possamos chegar a  mais e mais Defensoras Populares, uma conquista feminina da qual o Piauí necessita”, afirma.